Elétrica Vintage. Lâmpadas Especiais e Testes.


Lâmpada Photoflood Azul. Marca GE-Mazda, 1000 W, temperatura de cor 5000 K.
Lâmpada Photoflood Azul. Marca GE-Mazda, 1000 W, temperatura de cor 5000 K. Fonte da Imagem, Lamptech, Inglaterra.

Autor: Alberto Federman Neto, AFNTECH.

Ampliado e Atualizado em 17 de Junho de 2021.

Este artigo mostra algumas lâmpadas especiais, e experimentos com elas.

1. INTRODUÇÃO:

A imagem que ilustra este Artigo, é uma antiga lâmpadaPhotoflood” de 1000 W, para 120 V, com bulbo azul. (1945). Temperatura de cor  teórica é 5000 K, mas medida, é 11000 K. O fabricante é a General Electric, EUA, Marca Mazda. Fonte da Imagem e características técnicas,  LampTech, Inglaterra.

As “Photoflood” eram Lâmpadas incandescentes especiais, que produziam luz intensa e muito branca e de qualidade adequada, especial para estúdios fotográficos, para retratos. Também se usavam em filmagens para cinema ou televisão. Links: 19, 20, 21, 22,

Embora ainda sejam usadas, por exemplo em Serigrafia ou Silk-Screen, o aparecimento de lâmpadas fotográficas LED equivalentes, fluorescentes fotográficas e lâmpadas halógenas, faz com que pouco a pouco,  as Photoflood caiam em desuso.

A luz branca intensa era produzida a partir do uso de um filamento de tungstênio, alimentado em sobretensão, “survoltado”, o que comprometia sua durabilidade.

Os  soquetes das lâmpadas são E27, o soquete mais comum,  mais usado na Europa e também no Brasil. É o “Parafuso de Edison” E27,  padrão Europeu, 27 milímetros de diâmetro da rosca. Baseado no modelo E26 Americano, da patente clássica de Thomas Alva Edison. Inventor da lâmpada Incandescente comercial, EDISON, T.A. Patente Americana, US251554A (1881).

Vamos ver algumas de minhas lâmpadas especiais antigas e experimentos com elas. Elas foram adquiridas a preço até baixo, de uma excelente loja de materiais para iluminação, a Eletro Terrível, de  São Paulo, S.P.

2. PHILLIPS ARGENTA FANTASIE:

Embora quase não se usem mais lâmpadas incandescentes, eu gosto, e elas são ainda úteis em certas aplicações.

As Philips Fantasie eram lâmpadas incandescentes antigas, de bulbo grande e despolido, decorativas e  ainda úteis em abajures ou arandelas dimerizadas. 

Fabricadas pela Philips do Brasil, até os anos 80.  Incandescentes da Philips ainda são fabricadas e ainda existem em outros países. Links: 1, 2, 3, 4, 5.

Uma característica exclusiva das antigas lâmpadas despolidas da Philips, é que bulbo era revestido internamente, com um composto, “fósforo”, fluorescente, que tornava a luz delas mais branca. Chamava-se Philips Argenta. Links: 6. 7VAN HOUTEN, H. “Philips Research. 100 Years of  Patents and Publications.” (2014). Vídeo, em Holandês. Outro vídeo, em Alemão.

As lâmpadas Philips Argenta já existiam nos anos 20-30 e a qualidade branca de sua luz era usada em pesquisas científicas. KONINGSBERGER, V.J. Rec. Trav. Bot. 20, 257 (1923). SCHRODINGER, V. Naturswissenchaften  13 (1925). A luz era melhorada em pureza de brancos e mais brilhante, com o revestimento Argenta. DREOSTI, G.M. Phil. Mag. 11, 801 (1931). Patente, Autoria, da fábrica da Phillips na Holanda: Naamlooze Vennootschap Philips‘ Gloeilampenfabrieken, Patente Inglesa, GB168598 (1922).

Eis uma das minha lâmpadas Philips Fantasie. Tenho várias, para usar em abajures de luz regulável.

Lâmpada Philips Fantasie, 60 W, 22 V. Rara no Brasil.
Lâmpada Philips Argenta Fantasie, 60 W, 220 V. Rara no Brasil. Foto com câmera digital Sony Cybershot DSC-W320.

3. PHILLIPS PHOTOLITA-S:

As lâmpadas PhilipsPhotolita”  e outras, são sucessoras modernizadas  das  “Photoflood” antigas. Links: 8, 9, 10, 11. 12. 23, 24. São exclusivas da Philips.

A minha foi fabricada pela matriz da Philips, na Holanda. 220 V, 250 W.

Lâmpada para Fotografia, Philips Photolita-S, 250 W, 230 V
Lâmpada para Fotografia, Philips Photolita-S, 250 W, 230 V. Imagem, Foto com câmera digitalSony Cybershot DSC-W320

4. LÂMPADA REFLETORA PARA CRESCIMENTO DE PLANTAS:

Uma lâmpada refletora de bulbo azul, incandescente,  que pode emitir luz branco azulada, enriquecida de raios UVA,  especial para crescimento de plantas.

Lâmpada NARVA, Refletora, de Luz Branca Azulada, 220 V, 75 W.
Lâmpada NARVA, Refletora, de Luz Branca Azulada, 220 V, 75 W. Foto: Câmera DigitalSony Cybershot DSC-W320

Outra lâmpada  comercial, relacionada a essa.

Marca NARVA:

A marca é NARVA, Alemanha. Uma indústria de lâmpadas de todos os tipos, como lâmpadas automotivas fluorescentes, halógenas, ultravioleta , luz negra , descarga gasosa e vapor de sódio, Alemã. 

Fabricavam até lâmpadas comuns, mas a marca parou de produzir lâmpadas de tecnologia incandescente em 1992, agora fazem muitas lâmpadas de outros tipos, e até especiais, como esta lâmpada mista halógena-descarga gasosa, para filmagem de cinema. E esta lâmpada de vapor metálico para cultivo de plantas.

Em 1994, a antiga  NARVA , uma empresa da Alemanha Oriental (fundada em 1948 NARVA-Manukfactur),  uniu-se à G.L.E., Gesellschaft für Lichttechnische Erzeugnisse MbH. É uma associação, e engloba outras companhias como a VOSLA. Tem subsidiárias em 70 países, como por exemplo  na Austrália. No Reino Unido.

5. LÂMPADA REFLETORA INFRAVERMELHA:

Tenho outra lâmpada da NARVA. Essa é de bulbo vermelho, e luz vermelha e infravermelha, própria para uso terapêutico em contusões e em secagem de materiais. Outra lâmpada infravermelha.

Lâmpada Incandescente Refletora, de Luz Vermelha e Infravermelha. Marca NARVA, Alemanha. 230-240 V, 50 W.
Lâmpada Incandescente Refletora, de Luz Vermelha e Infravermelha. Marca NARVA, Alemanha. 230-240 V, 50 W. Foto: Câmera Sony Cybershot DSC-W320.

Existem mais antigas que a minha.

Eis as minhas duas lâmpadas NARVA, Itens 4  e 5:6. LÂMPADA DE LUZ MISTA:

As Duas Lâmpadas Incandescentes Refletoras Especiais, Marca NARVA.
As Duas Lâmpadas Incandescentes Refletoras Especiais, Marca NARVA.

6. LÂMPADA DE LUZ MISTA:

As lâmpadas de luz mista são lâmpadas de vapor de mercúrio de baixa pressão, onde a ampola que contém o mercúrio e os eletrodos é excitada pelo calor produzido por um filamento incandescente. Após a ignição, o filamento se desliga (não em alguns modelos), e funciona como um resistor (análogo a um reator), limitando a corrente da lâmpada.

Assim, ao mesmo tempo em que são lâmpadas de vapor de mercúrio, também são incandescentes. Eram muito usadas para iluminar postos de combustível e lojas grandes.

Esta é minha, comprei no final do meu Doutorado e ainda uso para experimentos de Fotoquímica, por que ela funciona sem reator e emite um pouco de UV.

Lâmpada de luz mista, marca Philips do Brasil, 250 W, 220 V. Com soquete E40 (1985).

Lâmpada de Luz Mista, de 250 W, 220 V, Marca Philips, Brasil, Antiga (1985). Soquete de Porcelana E40.
Lâmpada de Luz Mista, de 250 W, 220 V, Marca Philips, Brasil, Antiga (1985). Soquete de Porcelana E40.

7. LÂMPADA DE ARCO DE MERCÚRIO:

Esta é uma lâmpada de arco de mercúrio, feita de uma lâmpada de vapor de mercúrio de média pressão para iluminação pública, 400 W,  220 V, soquete E40,  link 37, 38, na qual o bulbo, a ampola toda de vidro, com material fluorescente, fósforo, foi removida. (1989, 1992). Esquema dela. A lâmpada funciona com um reator Eletromagnético marca Helfont.

O conjunto se torna uma lâmpada  de UV, arco de mercúrio, potente. A ideia não é nova, mas é clássica. Veja exemplos em: KNOWLES, J.P.; ELLIOT, L.D.; BOOKER-MILBURN, K.I. Beilstein J. Org. Chem. 8, 2025 (2012). BOVIE, W.T J. Biol. Chem. 20, 315 (1915). JORGENSEN, I.; KIDD, F. Proc. Roy. Soc. London 89, 342 (1916). FORBES, G,S., HARRISON, G.R. J. Am. Chem. Soc. 47, 2449 (1925).

É preciso cuidado no uso. Cobrir toda a aparelhagem com uma caixa de papelão e não  se pode olhar a luz direta sem óculos protetor, posto que ela emite até um pouco de UVC e a luz é deslocada a quase 254 nm, raia de emissão do mercúrio puro. Links: 27, 28, 29, 30, 31. Assim, a luz dela pode lesar a retina.

Para o uso dela em Fotoquímica, veja meu Artigo: FEDERMAN NETO, A.;  SILVA, F.C.; DIAS, C.A.E.D; DALTIN JÚNIOR, N.;VICHNEWSKI, W.;BONILHA, J.B.S.; BORGES, A.D.L. Acta Scient. 24, 1591 (2002). Links: 32, 33, 34, 35.

Lâmpada Para Fotoquímica, Feita com Lâmpada de Vapor de Mercúrio. 400 W, 220 V, e Fotoreator em Vidro Pyrex. Fonte da Imagem, FEDERMAN NETO, A. (1992, 2002 e 2021).
Lâmpada Para Fotoquímica, Feita com Lâmpada de Vapor de Mercúrio. 400 W, 220 V, e Fotoreator em Vidro Pyrex. Fonte da Imagem, FEDERMAN NETO, A. (1992, 2002 e 2021).
Reator Helfont Eletromagnético, Para Lâmpada de Vapor de Mercúrio de 400 Watts.
Reator Helfont Eletromagnético, Para Lâmpada de Vapor de Mercúrio de 400 Watts. Fonte da Imagem: FEDERMAN NETO, A. (2021).

8.  ALGUNS TESTES E EXPERIMENTOS:

Fiz testes, ligando algumas dessas lâmpadas através de uma montagem especial. No meu apartamento, não tenho energia em 220 V, e por isso, usei essa montagem.

Um velho regulador de voltagem para TVs de tubo, dos anos 60, 1963, marca Amperlux, de 110 V. Tecnicamente, é um autotransformador, com um voltímetro em paralelo e derivações. 

A indústria que os fabricava era a Amperlux Máquinas e Equipamentos Ltda., A. de Almeida e Filhos, Ltda.São Paulo, S.P.

Veja figura de um aparelho semelhante. Outra figura. Mais outra. Lembre que o nome “Regulador ou Estabilizador de Voltagem” era rotineiro na época, mas é incorreto. Mas apropriado seria dizer “Regulador de Tensão“.

Um Antigo Regulador de Voltagem Para TVs de Tubo, Marca Amperlux, Anos 60.
Um Antigo Regulador de Voltagem Para TVs de Tubo, Marca Amperlux, Anos 60.

Liguei a saída dele à entrada 127 V, de  um autotransformador 127-220 V, marca ForceLine, de 2

00 VA.  Na saída de 220 V, inseri uma tomada macho com soquete E27 e chave.

A montagem ficou assim:

Montagem de Regulador de Voltagem Antigo, com um Autotransformador, Para Obter 220 V ou mais, a Partir da Tensão de 127 V, da Tomada.
Montagem de Regulador de Voltagem Antigo, com um Autotransformador, Para Obter 220 V ou mais, a Partir da Tensão de 127 V, da Tomada.

O Leitor poderia perguntar, porque 110, 115, 120 ou 127 V? Pela norma técnica atual é 127 Volts e 220 Volts. Links: 13, 14, 15, mas pode ser, ou já foi, em algumas cidades, 110, 115120… Links 16,  17, 1825, 26. Quando usávamos equipamentos produtores de energia de procedência Norteamericana, era uma tensão de 117 ou 120 V.  KURTUS, R. (2019).

Ora, minhas lâmpadas especiais funcionam em 220 V, ou em 230-250 V (Padrão Europeu). Ajustei a chave do regulador de voltagem para obter uma saída de pouco mais de 130 V. (próximo dos 127 V da tomada, 125, medidos com multímetro).

Na saída do autotransformador, obtive cerca de 230 V, medido com meu multímetro analógico (veja Item 7).

Medindo a Tensão de Saída do Autotransformador, com Multímetro Analógico.
Medindo a Tensão de Saída do Autotransformador, com Multímetro Analógico.

A tomada de saída do autotransformador, foi ligada ao soquete, onde as lâmpadas a testar foram rosqueadas. Assim, elas foram alimentadas com cerca de 230 V.

Vejam as lâmpadas, ligadas e emitindo a luz característica de cada uma delas.

Lâmpada Fotográfica Philips, Photolita-S, de 250 W, Ligada.
Lâmpada Fotográfica Philips, Photolita-S, de 250 W, Ligada.
Lâmpada Philips Fantasie, 60 W, ligada.
Lâmpada Philips Fantasie, 60 W, ligada.
Lâmpada Refletora de Bulbo Vermelho, Ligada e Emitindo Luz Vermelha e Infravermelha.
Lâmpada Refletora de Bulbo Vermelho, Ligada e Emitindo Luz Vermelha e Infravermelha.
Lâmpada Alemã NARVA, de Luz Branca Azulada. Para Crescimento de Plantas. Acesa. Emite Luz Branca e um Pouco de Azul e UVA.
Lâmpada Alemã NARVA, de Luz Branca Azulada. Para Crescimento de Plantas. Acesa. Emite Luz Branca e um Pouco de Azul e UVA.

O meu interesse nessas lâmpadas especiais e sua luz emitida,  é muito mais fotoquímico e fotométrico, do que fotográfico. O assunto será abordado em um futuro artigo neste Blog.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s